Ideias simples e inovadoras [1]

Mupi do Festival dos OceanosSão vários os eventos que são promovidos através de Mupis espalhados das cidades, como por exemplo o Festival dos Oceanos.

Como é natural, uma das informações presente na maioiria destes cartazes é o endereço do site de suporte a estes eventos.

Ao contrário do que se possa pensar, os destinatários deste tipo de  suporte publicitário, não são apenas os automobilistas ou acompanhantes destes, mas sobretudo os peões, ou não ocupassem os Mupis os passeios, por vezes, de uma forma abusiva.

Ora, como para a maioria das pessoas não é fácil memorizar tudo o que gostariam, a única solução passa por anotarem o endereço, ali logo, naquele momento, junto ao Mupi e isto, partindo do princípio que se tem onde anotar.

Mas a verdade é que é possível dar mais uma solução às pessoas, incluir um QR Code nos Mupis com o endereço do site.

Desta forma, as pessoas utilizando uma aplicação de leitura de QR Codes num telemóvel poderia aceder de uma forma muito rápida e directa ao endereço do site do evento.

qrcode

Por exemplo, no caso do Festival dos Oceanos bastaria incluir uma imagem como esta, gerada através do QR Code Generator.

É claro que os cépticos, dirão que é residual o n.º de pessoas com leitores de QR Codes, porém como podem consultar na página do QR Code Reader, a aplicação principal já se encontra disponível para vários equipamentos móveis da Motorola, da Nokia, da Samsung e da SonyEricsson.

E para os mais interessados, podem consultar mais informações na página da Wikipedia sobre o QR Code (http://en.wikipedia.org/wiki/QR_Code) ou ler este artigo no New York Times – “New Bar Codes Can Talk With Your Cellphone“, segundo o qual a utilização de QR Codes em Mupis e Outdoors, na Ásia, já é uma coisa comum.

Receitas para Bebés

Receitas para bebes

Ela teve a ideia e eu concretizei-a. A aventura era simples, procurar um domínio livre que fizesse algum sentido, instalar o WordPress, encontrar um template apelativo e começar a partilhar as receitas que ela tem vindo a criar nos últimos 14 meses, desde que a Luísa começou a comer alimentos sólidos.

Passadas 3 semanas, gostaría de vos apresentar o “Receitas para bebés“, um blog no qual poderão encontrar inspiração para a elaboração de deliciosas iguarias para os vossos filhotes. Como sempre o vosso feedback é muito importante para nós, pelo que vos convidamos a passarem por www.receitasparabebes.com e a darem-nos a vossa opinião, críticas, sugestões ou outro qualquer tipo de comentário. Podem ainda acompanhar o “Receitas para bebés“, através do Twitter, em http://twitter.com/receitasbebes.

Zon vs Meo

Televisão

Na sequência da recente actualização do interface das boxes tradicionais da Zon TV Cabo, estou a tentar escrever um artigo de comparação entre os interfaces das boxes da Zon TV Cabo e da box do Meo.

Para tal, gostaría de contar com a vossa colaboração, através da partilha da vossa opinião sobre o serviço que utilizem, no espaço de comentários deste post ou enviando-me um email para hugo.silva@lisbonlab.com, comunicando-me a vossa disponibilidade para responderem a 2 ou 3 perguntas sobre a vossa experiência.

Conferências, conferências …

conferênciasPor vários motivos, ainda não foi desta que pude ir à Reboot.

Eu sei que posso parecer um pouco repetitivo, uma vez que ainda há 15 dias, a quando do meu último post (uou tanto tempo sem escrever), também me lamentava sobre a vontade de ir à Offf. A verdade é que são cada vez mais as conferências interessantes que existem por ai, às quais assistiria com o maior prazer.

Ora ai está, aparentemente, uma actividade interessante, cobrir conferências sobre novas tecnologias e new media, por esse mundo fora, para um (ou mais) meios de comunicação social.

Nesse cenário hipotético, para além de ter ido à LIFT, até agora teria ido também:

E até ao final do ano, ainda iria às seguintes conferências:

Bem, não iria ser uma vida nada fácil, andar a viajar de um lado para o outro, mas se eventualmente houver por ai, alguém (alguma empresa ou algum media) interessado em patrocinar esta experiência, não hesitem em contactar-me.

Entretanto, vou voltar à realidade e ao trabalho na minha tese de mestrado.

Blogreporters – uma visita ao passado

Nos últimos tenho andado em arrumações, aqui no “laboratório”, uma vez que vou mudar de “instalações”. Em breve irei deixar o alojamento da Bluehost, para passar para um espaço mais moderno e acolhedor, na Dreamhost.

No meio de todos os backups que é necessário fazer num processo tão complexo e sensí­vel como este, encontrei a pasta do Blogreporters. Há algum tempo que não visitava o subdomí­nio que na altura que crie para o efeito – news.lisbonlab.com, tal como o blog, em WordPress, como não poderia deixar de ser, que ainda pode ser consultado em http://news.lisbonlab.com/index.php.

Apesar de tudo, e no meio de alguma tristeza, nesta subita visita, acho que foi um projecto muito interessante, bem estruturado e planeado, com uma imagem gráfica decente, incluindo o logótipo e um guia editorial bem definido. Porém tal como referi anteriormente, provavelmente aquele não era o timming mais apropriado para um projecto desta natureza, ao mesmo tempo que eu não tinha (e infelizmente continuo a não ter) a disponibilidade temporal, para que aquela ideia pudesse ser uma ideia de sucesso, que ajudasse estudantes de jornalismo e outros. Mas sem dúvida, que foi uma experiência enriquecedora, que valeu todo o esforço.

Tal como referi há quase 1 ano, quando o Blogreporters fechou portas, continuo a acreditar que existe espaço em Portugal para um projecto deste tipo (seja ele suportado num blog ou em qualquer outra plataforma), um projecto em que voluntários possam escrever e publicar conteúdos de qualidade, artigos de opinião, entrevistas, reportagens, foto-reportagens, etc.

Quem sabe no futuro, noutro contexto e com outras circunstâncias não possamos criar um projecto desta natureza, com sucesso, em Portugal?

SHiFT – Setembro 2006, Lisboa

Tal como vos referi em Fevereiro, durante a LIFT06, eu, o Pedro e André estávamos a ponderar organizar uma conferência internacional sobre novas tecnologias no Outono, em Lisboa.

No nosso entender, era importante criar um evento em Portugal no qual se debatesse as importantes mudanças que se estão a verificar na área das novas tecnologias e o peso cada vez maior que as tecnologias tem nas nossas vidas, com os consequentes impactos positivos e negativos na sociedade actual.

Pois bem, após alguma reflexão, nós os 3 com outros amigos decidimos mesmo avançar com a organização de uma conferência internacional em Lisboa, a “SHiFT – Social and Human Ideas For Tecnology”. Continue reading “SHiFT – Setembro 2006, Lisboa”