De férias

Finalmente irei tirar uns dias de férias, sem acesso a computadores, nem à Internet, motivo pelo qual este blogue irá ficar inactivo até dia 4 de Maio.

Technorati [2]

Pois bem, eu próprio começo a achar que fui pessimista ao prever que o Technorati, só iria ultrapassar os 10 milhões de blogues, em Maio. Tendo em conta, que actualmente já está quase nos 9 milhões e 200 mil, será dificil que entremos em Maio sem chegarmos ao fantástico número dos 10 milhões. Aguardamos para ver.

Comunidade de bloggers portugueses

Graças ao Abc Dário, do fantástico e inigualável webcedário, tive conhecimento do projecto inovador http://blog.com.pt/, que segundo palavras dos próprios autores pretende ser "a comunidade de bloggers portugueses, (…) o site de referência para a pesquisa e catalogação de blogs portugueses.

Tendo em conta o carácter inovador do projecto, espero honestamente que sejam bem sucedidos. Eu pela minha parte, irei tentar contribuir ao máximo. No entanto, não querendo ser pessimista, acho que para criar uma verdadeira comunidade de bloggers portugueses, essa iniciativa tem de ser associada a um directório, o mais real possível, dos blogues portugueses existentes na blogosfera. Na minha humilde opinião, para a concretização desse directório, já tentado por diversas vezes, de dificil execução e sobretudo manutenção, um processo de auto-registo é claramente insuficiente.

Apesar de tudo, muitos parabéns aos autores da iniciativa.

Blogues Organizacionais [4]

Finalmente conclui o meu trabalho académico sobre os blogues organizacionais, motivo pelo qual não tenho andado por aqui…

Por diversas razões ainda não o posso publicar neste espaço, no entanto não hesito em afirmar que perante os dados actuais, os blogues irão desempenhar um importante papel na comunicação organizacional.

Naturalmente, os blogues organizacionais não irão provocar revoluções nas organizações ou na comunicação desenvolvida por estas, mas sim preencher lacunas deixadas pelos tradicionais meios de comunicação organizacional, como boletins internos ou jornais de parede, ou mesmo, pelos mais recentes, como as intranets, maioritariamente administrativas. Nesta linha de pensamento, uma das suas mais valias é possibilitar de uma forma bastante fácil, simples e prática o feed-back dos trabalhadores face à comunicação expressa pela organização.

Tanto a nível externo, como a nível interno, os blogues podem ser um contributo importante para melhorarem a comunicação de uma empresa, em diversas vertentes.

Em breve, espero poder publicar neste espaço, os principais resultados do estudo que realizei.

Technorati [1]

É impressionante o crescimento exponencial da blogosfera.
No passado dia 5 de Fevereiro o Technorati, reconhecia a existência de 6.746.125 blogues. Neste preciso momento já reconhece 8.857.853 blogues, o que respresenta nada mais, nada menos do que um aumento de mais de 2 milhões de blogues em pouco mais de 2 meses e meios. Em termos percentuais este aumento equivale a mais de 30%. Aceitam-se apostas para quando será o dia em ultrapassará os 10 milhões. Pessoalmente acho que não passará do mês de Maio.

Google Video

Na sequência do meu post "Videoblogs – Google", no qual expressei a minha esperança no serviço de alojamento de videos gratuito do Google, tive conhecimento, graças ao meu amigo Cajo, e parceiro no projecto .:: 10 segundos ::., que este já está em funcionamento na versão beta do Google Video, no link https://upload.video.google.com/. Para testar este serviço basta ter um email do Gmail e fazer o login usual do mesmo.

P.S.: Relembro que disponho de vários convites para o Gmail.

Código para Vlogs

Para todos os visitantes do videoblog .:: 10segundos ::. que se mostraram interessados em saber como colocar um filme num blog deixo-vos aqui o código por nós utilizado:

A última linha do código é totalmente dispensável para que o vídeo seja correctamente publicado. Trata-se unicamente da referência ao meu blog, que será totalmente invisível no post do vídeo, pelo que fico ao critério de cada blogger apagar a linha ou mantê-la.

Em caso de dificuldades, queiram por favor contactar-me por email.